Sindicato de Atletas São Paulo
Institucional

Sindicato de Atletas de São Paulo lança cartilha tributária

O evento aconteceu no teatro do SESI FIESP

02, OUTUBRO 2018 às 15:32:22

Rinaldo Martorelli durante lançamento da Cartilha Tributária do Atleta no Teatro do Sesi, em São Paulo (foto: Fabio Giannelli/Soccer Digital)

O Sindicato de Atletas de São Paulo realizou na manhã desta segunda-feira (01 de outubro), no teatro SESI FIESP, o lançamento da cartilha “O Atleta Profissional e o Sistema Tributário”.
 
O encontro teve como objetivo apresentar o documento para o setor desportivo com questões tributárias que influenciam na relação de emprego e na vida dos clubes e atletas.
 
O presidente Rinaldo Martorelli abriu o evento agradecendo a sua equipe e todos aqueles que abrilhantaram o evento. “Agradeço ao Alexandre, superintendente em exercício do Sesi, principalmente aos atletas do São Caetano, São Bernardo, União de Mogi, Primavera de Indaiatuba, Grêmio Osasco, Mauá FC e Nacional, que estão aqui, sem eles não haveria razão de estarmos proporcionando esse evento, e aos diretores dos clubes, e parceiros”.
 
“Essa cartilha não é só para o futebol, é uma cartilha para o cidadão, depois para as relações de trabalho, nós assumimos que sempre faremos com que esse seguimento cresça, seja mais inteligente e produtivo. Nosso trabalho é esse, em alguns momentos é mais difícil, mas quando a gente se alia fica mais fácil, nosso compromisso é cuidar de gente e para isso não nos poupamos”, finalizou.
 
Em seguida algumas das autoridades convidadas se pronunciaram sendo também presenteados pelo presidente da entidade, como Alexandre Pflug (Superintendente do Sesi) Arlete Mesquita (STJD) Antônio Jorge Cecílio Sobrinho(ex-presidente Sind Atletas), José Eduardo Ferreira (ex atleta e ex diretor Sind Atletas), Pedro Trengouse (Trengouse Adv), Antônio Gil Franco Ferreira (Ernest Young), Ronaldo Passos (vice presidente do Sindicato Nacional), Nelson Leme da Silva Junior (CRF4- SP), Reinaldo Buzzoni de Oliveira Neto (Diretor de Registro, Transferência e Licenciamento da CBF).
 
No Seminário, a apresentação foi realizada em duas etapas: “Análise das finanças dos clubes de futebol e suas incidências tributárias” com Amir Somoggi – Managing Director – Sports Value e Altamiro Lopes Bezerra – Diretor Financeiro do Instituto Neymar Junior, falou sobre o Case.

Amir Somoggi abriu sua fala agradecendo a oportunidade de participar do evento, falou sobre o mercado global do futebol e fez um comparativo do futebol brasileiro com as ligas europeias. Explanou os números das finanças de clubes e explicou como funcionam as questões tributárias.
 
Explicou quanto mais os clubes faturam mais eles devem, diferente dos modelos europeus que sabem perfeitamente como fazem para investir o dinheiro que ganham com o mercado do futebol. Depois, mostrou como o futebol brasileiro tem perdido público:
 
“Os brasileiros não tem mais interesse no futebol como em outras décadas. Os times europeus invadiram a preferência, isso é resultado da má administração do negócio”.
 
Em seguida, Altamiro Lopes Bezerra (foto: Fabio Giannelli/Soccer Digital), Diretor Financeiro do Instituto Neymar Jr., iniciou sua palestra sobre o Case Neymar.
 
“Agradeço ao Martorelli, é um grande prazer estar aqui. É preciso ver o mercado de forma macro e não micro, nós temos os talentos porque aqui é o país do futebol”.
 
O Economista contou um pouco da história do Neymar e disse que se a imagem do atleta, qualquer atleta, for bem trabalhada ela irá trazer benefícios. Explicou o processo de desenvolvimento de imagem do jogador, que no início foi comprada pelo Santos FC de seus pais. Em 2009 teve seu primeiro contrato de imagem com a Nike e depois que conseguiu o 70% começou a trabalhar outras marcas. E com o passar do tempo se multiplicou os direitos de imagem. Em 2013 a NRJ adquiriu 100% do direito de imagem do jogador.
 
Para fechar os debates, Marcos Neder (Trenchrossi) explicou como funciona a forma de tributação na pessoa jurídica e física, exemplificou alguns casos, como Luisão, Guga que foram autuados pela receita. Principalmente, descreveu o caso Neymar, ilustrando como ocorreu a tributação e como o fisco entendeu que se fazia necessário multar, a contestação no CARF e a decisão favorável ao atleta.
 
Para encerrar o presidente do Sindicato de Atletas voltou a agradecer sua equipe.
 
“Fazemos um trabalho para que cada atleta seja autônomo, saiba tomar suas decisões, fazemos isso e entendemos que as nossas decisões de hoje refletem amanhã.” Depois, tratando especificamente da cartilha: “O que nos traz aqui é o conceito de apresentar para vocês um documento único, que traz todo detalhamento da vida do atleta, das preocupações trabalhistas e tributárias. Além de trazer vários cases dos que foram inclusive apresentados aqui”, contou.
 
“A nossa entrega é para que vocês tenham uma vida melhor, cada vez mais estamos engajados em fazer uma melhor entrega para o nosso seguimento”. Concluiu “ A partir desse momento o Sindicato de Atletas de SP, com o apoio do Sindicato Nacional dos Atletas Profissionais, tem o prazer de trazer para o seguimento mais um marco para o nosso trabalho, um marco que melhora e traz segurança para a relação entre atleta e clube. Mais uma proposta que mostra a responsabilidade na construção devim segmento melhor para todos”.

VEJA AS FOTOS


Lançamento Cartilha Tributária do Atleta



« VOLTAR




Mais sobre Institucional


Últimas do Sindicato


UGT
EDUCATLETA
SOCCER DIGITAL
IBRADESPOR
DIREITO EC
Expressão Paulista
FutBrindes