NOTÍCIAS

Institucional

CONVOCAÇÃO DE PROTESTO!

A mensagem que você lerá abaixo foi enviada pela diretoria do Sindicato de Atletas SP aos capitães dos times que disputarão as quartas de final da Copa do Brasil.

Caso Luan:
Quanto ao ocorrido com o atleta Luan do S C Corinthians Paulista, que foi agredido por torcedores fora do horário de trabalho, vimos trazer uma breve análise da situação e requerer posicionamentos.

1. Para nós do Sindicato de Atletas SP, sem entrar no mérito do fato em si, vimos discutir a violação de direitos dos atletas;

2. Recomendamos sempre que o atleta se preserve. E essa preservação, hoje em dia, extrapola as questões físicas, técnicas e emocionais, sabemos disso. Preservação que afeta diretamente a performance do atleta. E é a performance que sustenta, não somente a manutenção do contrato em vigor, mas dos contratos futuros que são necessários para o sustento do jogador.

3. Porém, a avalição da performance cabe aos membros da Comissão Técnica, ninguém mais. A partir dessa avaliação é que a diretoria decide pela manutenção ou não do jogador;

4. Quanto ao ocorrido no caso do Luan foi uma grave violação de sua privacidade, de sua imagem, de sua dignidade. E aqui vale a repetição, não está sob nossa análise o fato em si, mas a ingerência que vem ocorrendo na vida dos atletas por pessoas estranhas a relação de trabalho;

5. Esses atos vêm aumentando – com invasões de treinamentos, apedrejamento de veículos, por exemplo – e os clubes ficam inertes na defesa de seus trabalhadores;

6. Situações sofridas por alguns, mas que, se não freadas com rigor, vão chagar a todos porque nem sempre se consegue as melhores performances em campo que levem as vitórias de jogos e campeonatos;

7. Ou seja, agora é com o Luan, amanhã pode acontecer com qualquer outro membro da categoria, inclusive com você;

8. O Sindicato de Atletas SP, caso não saibam, atua naquilo que a legislação possibilita. Adoraríamos que a lei nos desse o chamado “poder de polícia” para tomar medidas que combatessem esse tipo de atitude responsabilizando duramente os agressores, mas não conseguimos chegar a tanto;

9. Assim, o que o Sindicato pode fazer já fez. Entrou em contato com o jogador e se colocou à disposição; entrou em contato com a delegacia e está acompanhando o inquérito;

10. Agora, quem precisa se manifestar é a categoria que há pouco tempo, por exemplo e a pedido da CBF, se posicionou, no caso de racismo, questão também legítima que não se pode aceitar;

11. Assim, conclamamos vocês para que se organizem nos jogos de hoje, dia 05 de julho de 2023, de quartas de final da Copa do Brasil e se manifestem num gesto com os dois punhos cerrados e direcionados para o alto em desagravo às violações que a categoria tem enfrentado.

Esperamos que a categoria tome pé da situação e possa nos auxiliar nessa defesa.

A Diretoria.
Sindicato de Atletas SP

🎯 MKT Digital: @soccerdigital10

Compartilhar:

+ NOTÍCIAS

Jurídico

nota-oficial

Sindicato de Atletas SP entra com representação contra John Textor no STJD

WhatsApp Image 2024-03-22 at 14.10.07

Martorelli vai a Brasília e defende regularização do Futebol Feminino no Ministério do Trabalho

image-71-1536x1023

Sindicato palestra para o elenco da base do Treze FC sobre manipulação de resultados