NOTÍCIAS

NULL

Santo André é o quinto clube a receber visita do sindicato em 2016

REDAÇÃO SAPESP

Máfias de manipulação de resultados, benefícios, convênios, atendimentos, direito de exercer a função de monitor de futebol, Direito de Arena. Esses são apenas alguns dos temas abordados pelo sindicalista Mauro Costa, diretor de relacionamento do Sindicato de Atletas de São Paulo, na visita que realizou nesta quarta-feira (17) ao elenco do Esporte Clube Santo André.
 

A equipe do ABC, que disputa a Série A2 do Campeonato Paulista, abriu gentilmente o vestiário para que os jogadores interagissem com a entidade que representa a categoria. Eles assistiram atentamente à palestra sindical, que é ministrada por Costa em diversos clubes do estado. 
 
“É o quinto clube que visitamos em 2016 e o trabalho está apenas começando. Procuramos mostrar aos atletas como o sindicato pode ser útil e ajudar nos problemas cotidianos, dos mais simples aos mais complicados”, explicou Costa.
 
O sindicalista aproveitou para enaltecer diretoria e comissão técnica do Ramalhão, por mais uma vez abrir as portas do clube para o sindicato. 
 
“É sempre uma satisfação quando um clube abre as portas para o sindicato. Isso mostra integridade na relação de trabalho com os empregados, é muito bem visto tanto por nós quanto por eles (jogadores). Agora, também temos a ação das quadrilhas de manipulações de resultados de partidas, verdadeiras máfias internacionais que estão atuando no Brasil. Os jogadores se interessaram bastante por esse tema”, finalizou. 

O EC Santo André foi o quinto clube a receber a visita do sindicato em 2016. A entidade já palestrou para os elencos de Taubaté, Rio Claro, São Carlos e São Bernardo. 

Compartilhar:

+ NOTÍCIAS

Jurídico

nota-oficial

Sindicato de Atletas SP entra com representação contra John Textor no STJD

WhatsApp Image 2024-03-22 at 14.10.07

Martorelli vai a Brasília e defende regularização do Futebol Feminino no Ministério do Trabalho

image-71-1536x1023

Sindicato palestra para o elenco da base do Treze FC sobre manipulação de resultados